Pesquisar este blog

Fases da Lua!!!

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

A gente só cresce quando fazemos Besteira#

Ok.... Passando para escrever minhas entrelinhas.... Nada tão importantes assim... Mas como devo compartilhar meus pensamentos com vocês.... Que venham os comentários depois !
  Dois dias depois de eu ter me encontrado por acaso com o Vlad, recebi uma ligação de um amigo.... Digamos.... Estranho o suficiente do ponto que quando você olha para ele fica pensando: " O que eu estou fazendo aqui... com ele ? "... Bom, ele me liga dizendo que eu tinha toda razão em ter dito para ele nao ir sozinho NAQUELE lugar... Não entenderam ne ? Explicarei tudo!!!
  Antes de eu ter me encontrado com o Vlad (uns cinco dias atrás)... Ele estava sendo procurado por duas beldades, o que me preocupa, pois mulheres sempre exageram em algo... Disse que no momento ele não se encontrava na casa e simplesmente foram embora e nao me deixaram terminar !! O que me irrita muito...
  Enfim, foi exatamente dois minutos o maluco do meu amigo Fernando chega perguntando se alguem veio atrás dele... Eu avisei sobre as duas mulheres... Ele enlouqueceu:

- Caramba ! O que elas queriam ? - e ele andava de um lado para o outro...
- Calma Nando ! Não deixaram recado, mais sei que AÍ tem... O que está acontecendo ? - perguntei largando meus afazeres para prestar mais atenção.
- Elas estão atrás de mim para querer me matar, simplesmente pq assassinei o cachorro delas... O que tem de mais nisso meu Deus ?
- Se deu conta que é um animal de estimação querido ? Bestão.... - eu botei a mão na cabeça.....
- Se deu conta que o cachorro não é um cachorro comum ? - disse ele também botando na cabeça...
- O...O  que ? voce matou um Lobisomem?.... Ai meu Deus ! - eu disse correndo pro meu quarto pra pegar meu celular...
- O que vai fazer ? - perguntou..
- Estou ligando pra Milanna e pro Draco ... Eles vem para nos ajudar.. Vamos atras delas..
- Não não.. Eu faço isso sozinho.. e depois eu vou embora... Desaparecer por alguns dias. - Disse ele ja arrumando o muchilão e pegando a chave do carro...
- Como é que é ? Não não.. Nando, estamos aqui para isso... - recebi um torpedo da Milanna dizendo que estava vindo para casa com o Draco junto... - Viu ? Eles estão vindo pra cá, espere aí que nós vamos com voce !
- Não precisa Lella, sei o que o que quer fazer por mim..... Mas não precisa, não vou meter meus amigos em risco sendo que o problema é meu ! Prometo que ligo...
- E se voce.... Morrer ?  - perguntei indo para frente da porta e esticando os braços para ele nao sair.... Não adiantou muito, ele me pegou com facilidade nos braços e me levou porta a fora... E quando virei a Milanna e o Draco tinham acabado de chegar...
- O que houve ? - os dois perguntaram, o Fernando me olhou e sinalizou com um Sim.... que eu podia contar o que estava acontecendo !
- O maluco matou um lobisomem... E o lobão tinha dona, ops...devo dizer DONAS ! E elas vieram atras dele.. mas a sorte é que ele nao estava em casa.... Mas agora ele que ir atras das mulheres sozinho... O garoto endoidou !!!!!! Me ajudem a convencê-lo que podemos ir junto... - disse aflita.
- Qual é Nando.... Ficou maluco ? - Draco disse.
- Dou conta do recado sozinho valeu ? Lella, eu prometo que te ligo ta ? Falou galera ! - Ele entrou jogou o mochilão no carro e deu um abraço em todos nós ali presentes... - Se cuidem.
- Olha quem fala ! - Disse Milanna blefando.... E a minha cara de preocupada nao mudava...
- Tchau Lella !
- Tchau. - e ele entrou no carro... SAIU CANTANDO PNEUS !

Passou os dias... E eu resolvi ir atras dele com minha moto.. Foi exatamente quando eu me encontei com o Vlad (o garoto desconhecido que sabe o meu nome e eu nao sei o dele.. coloquei Vlad porque....Ele tem cara de ser Vlad rsrs) ....

Enfim ! Recebi a ligação do Nando.. ele está bem.. Quero dizer quase bem.. o idiota quebrou a perna e está hospedado em um hotel um pouquinho longe daqui de onde estou ! E sabe o que ele me diz ?
" Bem que voce me avisou Lella... Eu sairia menos machucado de vocês estivessem vindo " ¬¬ ...

É nessas horas que dá vontade de pegar ele e quebrar a outra perna... !!!!

Sem falar no bendito carro que ele falou que foi a salvação...

Kisses*
-

sábado, 27 de novembro de 2010

Passeando na moto, com a Música de fundo

Faz um bom tempo que não dou uma postada por aqui...
Tá ! Confesso que a preguiça também não deixou muito ! Pois ando meio que cansada, com tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo ! A perda do meu avô no dia do meu aniversário é uma das coisas....
Sem falar nas encrencas que ando me metendo ! Mas enfim....
Um dia desses estava eu sem nada para fazer e de repente me deu aquela vontade de subir na moto com fone de ouvido e sair por aí... Escutando músicas..... Era noite (como sempre é) E por incrível que pareça uma música começou a tocar.... Danger- Keep Away do Slipknot...
Achei interessante simplesmente por ela ser estranha, lenta e.... Envolvente !
Enquanto me perdia em pensamentos, adivinhem quem aparece do meu lado em outra moto ? (Não! Nem chegaram perto!)... Ele... o Tal cara que comentei no Post lááá embaixo.. Aquele que me deixou sem o nome dele.. Mas que sabia do meu... o que achava que era vampiro ! ... Com o susto me desequilibrei da moto e caí na estrada vazia... Ainda bem que estava devagar ! E é claro que ele parou para me ajudar...
- Lembra de mim ? - perguntou ele.
- Mas é claro ! Eu te reconheci pela tatuagem a moto. - Disse me levantando enquanto ele pegava a minha moto caída no chão !
- Se machucou ? - Perguntou.
- Não, não.. Estou bem ! - disse rodopiando para ele ver que realmente eu não precisava de um hospital.
   E lá ficamos... conversa vai e conversa vem... Ele acabou reparando no meu visual novo (cabelos e tal) e riu...
- O que foi ? - perguntei constrangida.
- Nada... Ficou legal ! - ele disse apontando pro cabelo !
- Valeu ! E você não mudou nadinha também .. - disse...  - Melhor eu ir ! Tenho certas coisas a resolver... - Ele não disse nada, mais também não riu.. Ficou mais sério do que nunca ...
   Acontece que quando eu ia ligar a moto ela não funcionou, e agora ? Como eu ia voltar para casa ? Eu estava no meio da estrada, deserta... Somente eu e ele...
- Tem uma oficina aqui perto.. Sobe aí e traz sua moto te levo lá... - Ele ligou a moto.. Eu subi... Confiava nele... Pois não era a primeira vez que ando de moto com ele não é verdade ?
 Chegando na oficina o cara super estranho começou a.... não só Analisar a moto, como a me analisar (se é que me entendem)... Quando ele vinha para cima de novo o salvador chega !
- Qual é cara ? Justo na minha frente ? - Disse o.... eu não sei o nome dele... como o chamarei ? Pode ser de Vlad ? rsrsrs, não sei não...mas vai ser Vlad !
- O que ela é para você cara ? - perguntou o mecanico ...
- Err... - o Vlad me olhou
- Namorada ! - respondi depressa...
- Hum... - disse o mecânico... - E o que você vai fazer se... Eu pegar ela ? - ele me puxou pelo braço e me deixou presa em uma chave de braço com uma faca na garganta ...
  Foi o que bastou para oVlad se irritar, do nada ele aparece atras do Mecânico dando um chute na perna dele que o fez cair... O mecânico veio para querer me pegar novamente, e não sei como eu fiz, mais dei um mortal para tras, um dos meus pés pegou na faca da mão dele fazendo a faca ir para o ar... E o Vlad a pegou ...
- Concerta logo essa moto... - disse o Vlad ameaçando o mecânico com a faca..
- Ok ok calma aê galera ! - o mecânico pegou minha moto, e não demorou muito para que ela estivesse pronta ! Fomos embora sem pagar o mais rápido possível ....
   Chegando quase perto da cidade novamente eu parei a moto... Ele perguntou se eu estava bem, eu disse que sim... Apenas queria agradecê-lo...
- Que nada... Formamos uma bela dupla ! - disse ele...
- Vou  voltar a te ver ? - Perguntei esperançosa...
- Em breve... Agora parece que minha moto nao esta funcionando muito bem.. Vou voltar para aquela oficina .
- Quer que eu vá com você ? - perguntei querendo ser educada..
- Não precisa..está tudo bem.. Vá para casa, escutando Slipknot !! - disse ele indo embora... Me senti um pouco mal por deixá-lo ir sozinho..
  

     Só sei que no dia seguinte quando olho para o jornal me deparo com a manchete da Capa:
" HOMEM DE OFICINA DE ESTRADA, CUJA NOME NÃO FOI DIVULGADO. FOI MORTO ONTEM, PELA MADRUGADA ! "

- Foi ele ! - a última coisa que conseguir dizer... E sabe o que eu fiz ? Nada... eu ri !!

Kisses

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Kélen ..... Boa Viagem !

Não tenho muito o que falar ! Apenas dizer que foi uma grande amiga ..
E que partiu por já ter completado a pequena missão .. Fácil demais até !
Super injusto !!
Por que agora ?
Por que não daqui a 100 anos ?
Super injusto, repito !
Kélen era muito amiga, conversávamos sobre músicas, livros ...
Sinceramente ? Muito Amiga .....
Ela é seguidora tanto do meu Blog quanto seguidor do Blog do Galego San !
E faz muita falta !
Anthares sua amiga nos avisou ... E seria muita desconsideração minha não publicar isso
Kélen faleceu no dia 26/07 ... Sem motivos nem nada !
Na verdade isso não importa muito ...
Mas que Kélen irá fazer FALTA vai !
Te amo amiga ...
Que Deus te abençoe... Descanse em paz !
Sinto muito, por amigos e Família !


Tristes Beijos !

sábado, 21 de agosto de 2010

Vampiros, Lobisomens, Bruxos(as).....

Pudera eu vivenciar isso !
Não sou a única ficar em dúvidas de como a sua vida mudaria se você fosse qualquer um desses...
Tudo bem, mais ou menos vivencio esse meu lado Noturno... Eu disse mais ou menos.
Ser bruxa, feiticeira essas coisas, tento pensar nas coisas legais e péssimas... Sem respostas !
Lobisomem ou Vampiro (a) ?
Lobisomem sempre foi Inimigo íntimo e natural dos vampiros, dizem que para si mesmos eles Fedem !
Bom... eu conseguiria ficar perto de um Lobisomem sem reclamar.
Com os vampiros também ... Para mim podem muito bem ter cheiros iguais. Mas, quem escolher.. se pudesse ter o azar (ou sorte se quiser dizer isso MESMO) de ver qualquer um deles, qual seria sua escolha ? Ser um(a) Lycan ou um Cold ?
As vezes as erscolhar que podem ser certas para você pode ser a errada. A pior de todas. Ambos são criaturas com alguns poderes. Ambos podem matar, lutar e quem sabe amar !
Ainda não obtive resposta, queria poder vivenciar cada detalhe disso com meus próprios olhos.
Tocar com minhas mãos e analisar cada detalhe disso... Lobisomens são do mal ou do bem ? E vampiros ? O que me dizem ?
Todos viveram felizes para sempre !!! ??
Escolhas, dúvidas e mais duvidas ... Cada um de nós possui um próprio destino e vejamos se devemos continuar com ele... Ou talvez como li num blog .... Não teríamos nem se quer uma escolha ! Se não entendeu... sinto muito.

sábado, 31 de julho de 2010

Lua e as Vidas Noturnas - Livro da Lella ^^

- Para Rich... Eu já sei o que você é já sei o que todos são. Eu juro para você que não estou com medo... Não muito. Se acalme, por favor!
- Rá! Não está com medo? Lella, por favor, não é? Até parece que eu não posso te matar agora mesmo. – Ele deu um passo à frente, e automaticamente dei um passo para trás.
- Não faça nenhuma besteira Richard. – Tentei abraçá-lo, mas o seu verdadeiro demônio vampírico já havia possuído o corpo de meu irmão, ele apertou meu braço com tanta força que aquele na qual eu havia machucado no pequeno encontro com o Harick estalou. E foi o que bastou para me fazer gritar.
- Ahhh! Rich pare! – e uma única lágrima caiu do meu rosto. Já estava fraca, lutando para me libertar das mãos do meu irmão.
- Solte-a Richard! Está machucando sua irmã. – disse a voz diferente.
- Denver? – tentei me virar para vê-lo, mas meu irmão ainda me mantinha no controle e dor me paralisou.
- Controle-se Richard! Solte-a.
- Denver, ela já sabe sobre nossa existência. – explicou meu irmão ainda muito enfurecido.
- Eu sei. Também fiquei surpreso, mas... Eu estou controlado.
Meu irmão me olhou, e se deu conta do que ele havia feito, eu estava fraca... Mas consegui sentir a dor cessar... Quando ele me soltou pensei que eu ia cair no chão, mas Denver o ajudou me pegando no colo. E mais nada vi, desmaiei.
Abri meus olhos devagar, estava aconchegada, olhava ao redor e reconheci meu quarto claro pelo pouco sol que saia atrás das nuvens. Sentei-me a cama e coloquei minhas mãos na cabeça tentando me recordar o que houve ontem, meus braços estavam roxos, por que? Realmente não me recordava. Vi meu irmão sentado em frente a janela, me levantei e tentei ir até ele. Eu estava fraca demais ainda, tropecei no pequeno tapete e quando eu ia caindo meu irmão me segurou.
- Cuidado! – disse ele.
- Tive um sonho muito doido, esquisito, inacreditável, e o pior... Parecia tão real!
- Sonho? – perguntou. – Por que não senta aqui e me conta? – sentou-me a cama.
- Sim, no meu sonho você e o Denver eram vampiros e... – então tudo voltou a memória. Eu dei um pulo exasperada. – Caramba! É verdade... Vocês são vamp... – Ele colocou a mão na minha boca.
- Shhh. Calma. Eu irei explicar tudo depois. – ele tirou as mãos quando balancei a cabeça em um sim. Ele ia saindo quando eu o segurei pelo braço.
- Mas como? Quando? – eu arregalei os olhos, eram tantas perguntas, tantas dúvidas.
- Ok! Parou... Lella são 10:30 da manhã, daqui a pouco vamos ir para a escola, e você ainda não comeu nada. Vá comer algo, depois conversamos.
Eu balancei a cabeça em um sinal positivo, e não desgrudei os olhos dos dele.

------------------------------------------------------------------------------------

Ao que se percebe que ela já descobriu sobre o que seu irmão realmente é !!!! Isso trará um pouco de pertubação, medo, e muitos sentidos que ela irá descobrir!!!!
Fany ira ajudá-la..... A se controlar, a fazer tudo certo... Mas ela também irá embarcar em uma aventura sem igual !!



* Ok...gente não sei se vou continuar postando o meu livro ok ? *


Kisses...Lella.

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Livro... Lua e as Vidas Noturnas


- Que livro é esse? – perguntou Denver.
- Duas Raças e uma Destruição. – mostrei.
- Legal!
- É sim! – a campainha da porta tocou.
- Quem será?
- Seu amigo Willayan.
- Como sabe? – perguntei curiosa, ele gaguejou.
- É que... Que... Não é difícil imaginar, ora!
Olhei pra ele desconfiada. E saí para atender meu amigo.
Abri a porta da frente. Estava ele e mais um amigo chamado Nick. Detalhe: Só sei o nome dele porque quando eu abri a porta o Willayan tinha acabado de gritar seu nome.
- Willayan?
- Lella! Oi! Vim pra te ver, e... Mostrar-te uma coisa.
- Que tipo de... Ai! – gemi, pois meu braço machucado estava começando a latejar.
- O que foi? – perguntou ele dando somente um passo para pegar meu braço.
- Nada, é só meu braço que esta...
Ele não me deixou terminar, tirou as mangas da blusa para ver o curativo.
 - Mas... Que diabos foi isso?
- Um cara maluco, que me jogou no chão, me deu um tapa, e me chamou de Lavanda... Ele era bem estranho. – Eu comecei a rir sem ter graça nenhuma.
Suas mandíbulas se vincaram.
- Idiota! – disse Nick.
-Esses caras sempre fazem isso, é o típico deles, é como todos os outros.
Nick riu, eu não entendi o motivo da piada. De repente meu irmão chegou por traz de mim.
- Nem todos são assim Lyriac. – Disse olhando para Nick, que rapidamente parou de sorrir.
- Como posso ter certeza disso? – Perguntou Nick dando um longo passo a sua frente.
- Temos uma grande prova, você sabe muito bem qual é. – Ele então olhou para mim e esticou os lábios, depois passou a olhar Vinícius.
- Lella podemos entrar? Queremos lhe mostrar algo, meio que impossível, mas real. – Willayan estava com um jornal na mão.
- Lella, o papai não vai gostar disso. – disse Rich apontando para os meninos.
- Ah! Qual é Richard, eu sei que o papai também não vai com a cara do Denver, então ele não iria gostar de saber que você anda trazendo-o aqui. E ainda são 9 horas, o papai só chega 11:30 da noite não é? – Cruzei os braços e fiquei batendo o pé. Willayan e Vinícius deram risadinhas baixas e eu ouvi algo do modo “se deu mal”.
Meu irmão olhou pra eles sério e incrédulo, fechou a mão em um punho se controlando para com certeza não avançar em cima deles.
- Calem a boca! – Disse Rich, depois voltou seu olhar a mim. – Certo, eu e o Denver vamos dar uma volta por aí e não vamos demorar, às 11 horas estarei por aqui esta bem? “Cuide-se”. – essa ultima parte ele disse olhando pros meninos.
Ele deu um assobio alto e irritante que me fez tapar os ouvidos, Denver imediatamente já estava lá na porta. Veio em minha direção me deu um beijo na testa, olhou feio para os meninos e saiu.
- Vamos entrar! – Sugeriu Wil, eu rapidamente concordei e fomos direto para a cozinha. Sentamos a mesa, e ele abriu o jornal.
- Leia! – disse Nick ao que me parecia ‘roubando’ a fala do Wil.
Fiz uma careta, não era difícil enxergar o que eles queriam que eu lesse, pois logo que ele abriu o jornal, rapidamente vi o anuncio:
AUMENTA EM MACAPÁ OS ASSASSINATOS, CONFIRA ALGUNS NOMES:”
Eu empurrei o jornal não querendo ler o resto, mas ele insistiu que eu lesse apenas me encarando, revirei os olhos como de costume. Peguei o jornal e comecei a estudá-lo.
CARLOS ROMULO, VITÓRIA ALBURQUEQUE, KONAN LENON, DIEGO SOARES, DRICA CROWLEY. ESSAS PESSOAS FORAM ENCONTRADAS, SEM NENHUM VESTÍGIO DE ESPANCAMENTO, E NENHUM SANGUE DERRAMADO. SERIAL KILLER OU APENAS ACERTO DE CONTAS?”
- Mas... O que aconteceu por lá? – perguntei exasperada.
- Você iria passar o fim de semana com sua mãe não é? – perguntou Nick.
- Sim! Eu vou!
- Não! Você IA, deixa passar um pouco essa onda de violência que está tendo pra lá, sua mãe vai entender, além do mais seu pai não vai deixá-la ir, aposto que ele já leu o jornal. – Disse Will.
______________________________________________________________________________________________
     Willayan Foster se torna O melhor amigo de Lella, logo quando ela chega  na cidade, ela descobre que ele é lobisomem e isso estimula a aproximação dos dois...Pois ela está cheia de perguntas para  fazer !!! Faz por ela tudo o que pode... Nick é seu braço direito, o ajuda em muitas coisas...ele faz par romantico com Fany amiga de Lella !!
     Willayan não gosta do irmão da Lella Richard e nem do seu futuro namorado Denver Hillem , pois  ambos tem duas coisas em comum, são Imortais e tem uma Antiga richa de raças !! Willayan faz de tudo para separar Lella deles, mas está difícil pois ela está louca de vontade de entrar em uma Aventura perigosa...

quinta-feira, 1 de julho de 2010

Lua e as Vidas Noturnas - Livro da Lella


- Sim você está, e agora maninha sua aula é de educação física.
-Logo essa? Ai! Eu sou péssima.
-A minha é de álgebra- disse Denver para me acalmar.
-É vôlei agora- disse Rich.
-Há! Esse eu sei jogar, um pouco quero dizer- essa ultima parte falei baixinho
-Eu ouvi isso!- disse Rich.
Então com o Denver do meu lado, e o meu irmão do outro, deu para perceber que estavam olhando para nós, muitos pares de olhos, uns da cor dos meus outros azuis, era normal... Mas ficar me encarando era o caos.
Despedimo-nos de Denver, e meu irmão me deixou la no ginásio.
-Boa Sorte!- disse meu irmão se segurando para não rir.
-Vou precisar.
Foi embora, então fui caminhando até a professora me apresentei, e ela me colocou num grupo de garotas, lindas para jogar acho que foi por isso que nenhuma delas falou comigo, não sou lá essas coisas.
Começamos a jogar todas animadas... Mas eu estava totalmente perdida, o que eu estava fazendo ali? Eu olhava para todos os lados.
-Cuidado!- gritou uma garota morena, que tinha um cabelo liso amarrado em um rabo de cavalo. A bola bateu em meu braço, pelo susto eu cai no chão.
-Você está bem?- perguntou a garota.
-Sim estou. Não foi nada demais.
Ela me ajudou a levantar sorrindo.
-O ataque dela é forte não é?- perguntou para distrair.
-Sim... Muito forte por sinal... – nós duas rimos.
-Sou Stefany, mas me chame de Fany.
-Prazer, prefiro que me chame Lella. - Estendemos as mãos. Até que um garoto se aproximou.
-Oi Fany!- depois rapidamente passou o olhar para mim- Oi, você é a Letícia não é?
-Me chame de Lella. -fiquei com vergonha e abaixei a cabeça.
-Prazer Lella, sou David William, mas me chamam de Willayan.
-O prazer é meu!
-Quer lanchar com a gente?- perguntou Fany de imediato.
-Bom é que meu irmão Richard tem que ficar perto de mim e... - Stefany não me deixou terminar.
-Esperai, para tudo! Você é irmão de Richard Mellune?- Perguntou surpresa apontando pra mim.
-Sim sou por quê?-ela respirou fundo.
-É que... – ela falava, quando Willayan a interrompeu.
-Ele pode se juntar a nós se quiser.
-Então ta! Tenho que me trocar encontro com vocês depois, tchau.
Vi os dois se olhando, e a Fany correu pro meu lado, e rapidamente disse:
-Vou com você.
-Certo.
____________________________________________________________________________________________

       Bom, mais uma parte do meu livro!! Dessa vez Lella conhece Fany, na qual mais adiante irá se tornar uma segunda melhor amiga!! Sim, Fany tem uma pequena queda de amores pelo irmão da Lella, o Richard Mellune, sendo que ela já tem namorado e que é o melhor amigo do Willayan o Nick !!

       O que Lella não sabe é que com o passar do tempo Richard ganha mais espaço no coração da Fany sendo que isso se torna perigoso, pois o Nick não gosta do Richard!

       O que também Lella irá descobrir é que a Fany também sabe sobre o mundo dos Imortais e Noturnos!!!

       Chega a levar um pequeno susto, mais por outro lado Fany irá contar todos os segredos de uma guardiã ( que elas são) e também, mostrar o que realmente ela sabe fazer !! Com a Fany, Lella irá aprender o significado de uma amizade, o significado do ciúme e do amor!!! E vem muito mais por aí com essas duas juntinhas !!

^^ Cold kisses !!
Ocorreu um erro neste gadget